Casa Januário

  • Casa Januário - João Queirós

  • Casa Januário - João Queirós

  • Casa Januário - João Queirós

  • Casa Januário - João Queirós

A Loja

As lojas de bairro têm um papel de importância crescente nas cidades, seguindo a tendência contemporânea da sua requalificação e da repovoação dos centros históricos. A Casa Januário encarna a história da cidade do Porto, oferecendo atendimento personalizado e fazendo justiça à qualidade a que há muito habituou os portuenses.

História da Loja

A Casa Januário é a concretização do sonho de um jovem empreendedor vindo de uma família do Fundão. Apesar de muitas contrariedades e do facto de não possuir capital próprio, Januário Gil Mendes Ferreira estabeleceu-se no Porto em 1926 e, graças a uma forma muito própria de atender os clientes, rapidamente alcançou um sucesso assinalável. Em 1965 Nuno Manuel, o segundo filho de Januário, entra para a empresa e opera algumas mudanças na loja. Mas, de novo, o desenho e a estratégia comercial tiveram de alterar-se para que esta mercearia fina continuasse a poder fazer prevalecer as suas caraterísticas diferenciadoras. Hoje, com os netos do fundador já a participar no negócio, a Casa Januário continua a orgulhar-se de preservar a história, a tradição e um estilo muito próprio de atendimento. Um orgulho de família.

Produtos e Serviços

Confeitaria, mercearia, garrafeira e encomendas especiais.

Horário

segunda-feira 09:30 19:00
terça-feira 09:30 19:00
quarta-feira 09:30 19:00
quinta-feira 09:30 19:00
sexta-feira 09:30 19:00
sábado 09:30 19:00
Informação Adicional:

Encerrado aos domingos.

Contactos

Freguesia: União das freguesias de Cedofeita, Santo Ildefonso, Sé, Miragaia, São Nicolau e Vitória
Morada: Rua do Bonjardim 348 , 4000-115 Porto
Cód. Postal: 4000-115 Porto
223320153
mail@casajanuario.pt
http://www.casajanuario.pt/
https://pt-pt.facebook.com/casajanuarioporto/

Dados Gerais

Atividade Principal: Comércio alimentar tradicional
Ano de Abertura: 1926
CAE Principal: 47293 – Outro comércio a retalho de prod. alimentares, em est. especializados, n.e.